Header AD

Acordo entre Clécio, Randolfe e Davi garantiu reeleição de Waldez, afirma Camilo.

Camilo Capiberibe atribui a neutralidade do trio Randolfe, Clécio e Davi, como fator decisivo para a reeleição do governador Waldez Góes, além de colocar papel preponderante, também, a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/AP) de anunciar que os votos de João e Janete Capiberibe seriam considerados nulos, um dia antes das eleições do 1ºTurno.


Deputado federal eleito, Camilo Capiberibe (PSB), concedeu entrevista nesta terça-feira (06) ao programa radiofônico do jornalista Luiz Melo e voltou a criticar a neutralidade dos senadores Randolfe Rodrigues (REDE) e Davi Alcolumbre (DEM) e do prefeito de Macapá Clécio Luís (REDE), no 2ºTurno da eleição no Estado.

—‘Alguns fatores foram determinantes (para a derrota), mas dois foram cruciais, como o anúncio pelo TRE/AP de que os votos que fossem atribuídos ao senador João e à deputada Janete seria nulos’; somado com a “neutralidade de Randolfe, Clécio e Davi, no 2ºTurno”, avalia Camilo.

Para o deputado eleito, decisão do TRE fez eleitores não votarem em Janete e João Capiberibe. “Ficamos 10 dias sem fazer campanha, enquanto o nosso adversário (Waldez Góes, do PDT) foi fazer negociações, puxando os eleitos, o que foi determinante para a eleição do senador Lucas Barreto”, falou.

Camilo associa a “neutralidade” de Randolfe, Clécio e Davi, no 2ºTurno, à reeleição do governador Waldez Góes e lembra da coerência do PSB em pleitos anteriores. “Se não tivesse a posição e neutralidade dos senadores Randolfe e Daví, e do prefeito Clécio, numa ingratidão enorme, porque em 2012 nós ajudamos o prefeito Clécio a ganhar (a eleição), porque fizemos uma avaliação de que seria melhor a eleição dele do que a continuidade da prefeitura com Roberto Góes”.

Camilo lembra ainda do apoio que fez Davi senador há 4 anos. “Em 2014 nós ajudamos o senador Davi a se eleger; inclusive a informação que eu tenho é que os três reuniram com o governador Waldez, que disse isso me foi relatado, que a neutralidade seria praticamente o apoio dos três a ele, que já tinha o apoio de sete deputados federais; isso foi determinante para a reeleição dele”, apontou.
__

Acordo entre Clécio, Randolfe e Davi garantiu reeleição de Waldez, afirma Camilo. Acordo entre Clécio, Randolfe e Davi garantiu reeleição de Waldez, afirma Camilo. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on terça-feira, novembro 06, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário


SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.

O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não há necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD