Header AD

Waldez anuncia apoio e palanque ao ex-presidente Lula no Amapá.

À espera do apoio do PT, governador Waldez Góes sai na frente e anuncia apoio ao ex-presidente Lula, preso político em Curitiba para não disputar eleição na qual é favorito e lidera todas as pesquisas de intenção de voto. PSB e PDT desejam apoio do PT local.

Atualizado em 31/07/2018, às 19h07min.

Alertado pela direção do PT no Amapá, o governador Waldez Góes comunicou oficialmente, nessa segunda-feira (30), à executiva nacional do Partido dos Trabalhadores (PT) o compromisso de garantir palanque ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ou para qualquer candidato que represente o PT nas eleições presidenciais, no primeiro e no segundo turno.

 ---'Meu compromisso de apoio ao PT, já demonstrado em ocasiões anteriores e agora reiterado, vai além do primeiro turno, no sentido de garantirmos a vitória de uma candidatura de esquerda no Brasil, para que voltemos a governar o País e retomemos o desenvolvimento socioeconômico que beneficiou, como nunca, a nossa região Norte’--- diz o aceno do governazdor.

No comunicado assinado pelo governador diz que 12 partidos compõem alianças em torno da sua candidatura à reeleição e que o PCdoB e o PTB já manifestaram publicamente que poderão apoiar o presidente Lula desde o primeiro turno.

 Segundo Waldez, este amplo arco de alianças proporcionaria ao PT chances reais de conquista de uma das oito cadeiras de deputado federal a que tem direito a bancada amapaense. Waldez oferece ainda a candidatura de vice-governador na chapa pedetista, assim como as suplências para senador, o comunicado esclarece que ainda estão em tratativas e inclui os petistas no Amapá nas negociações.

 PT espera definição de alianças nacionais para decidir apoio a Waldez.

À bancada do programa do jornalista Luiz Melo, na manhã desta terça-feira, o vice-presidente do PT no Amapá, advogado Marcos Roberto, explicou que ainda não está definida uma eventual aliança entre o partido e o PDT, e essa definição somente ocorrerá após a executiva nacional concretizar ou não uma coligação com o PSB e o PCdoB, cujo encontro está previsto para a próxima quinta-feira (02), em Brasília.

---'Estamos nas últimas tratativas, visto que o encontro de definição de candidaturas vai acontecer dentro de dois dias, na próxima quinta-feira, por conta de duas propostas que temos do PDT e do PSB. Já reunimos com o PDT e vamos agora reunir com o PSB, para que depois essas informações sejam repassadas para os delegados do partido, cuja maioria vai definir os rumos que vamos tomar”, disse.

Ciro como empecilho.

A candidatura de Ciro Gomes, pelo PDT, pode frustrar desejo do governador Waldez Góes em formalizar uma aliança com Partido dos Trabalhadores, já que o candidato pedetista ao Planalto diz que sua candidatura será registrada, independente da candidatura de Lula, ou, caso o petista seja impedido pela Justiça Eleitoral, de quem Lula indicar. Se de fato, PDT e PT concorrerão como adversários no 1oTurmo, fica difícil aliança entre ambos no Amapá. O PSB espera que isto ocorra para ter o PT na aliança que tem o senador João Capíberibe postulante ao governo do Amapá.
___

Waldez anuncia apoio e palanque ao ex-presidente Lula no Amapá. Waldez anuncia apoio e palanque ao ex-presidente Lula no Amapá. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on terça-feira, julho 31, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário


SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.

O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não há necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD