AP tem pior índice de criação de postos de trabalho, diz Caged.

Após alta em junho de 2016 e 2017, sexto mês de 2018 apresentou saldo negativo de contratações. Comércio e extrativismo mineral foram os que mais demitiram. É o pior índice de criação de postos de trabalho em 15 anos no Estado, informa dados do Caged.

Ilustração: G1/AP. 

No G1/AP--- As demissões puxadas pelos setores de comércio e extrativa mineral no Amapá deixaram o mês de junho como o pior da economia em 15 anos. O saldo absoluto de emprego formal no estado no sexto mês do ano foi de menos 536 postos de trabalho formais.

Os números são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados na sexta-feira (20) pelo Ministério do Trabalho.

Desde 2003, quando as demissões e contratações começaram a ser monitoradas, o estado apresentou no ano de 2018 o pior junho. O saldo negativo de postos é resultado de 1.663 admissões contra 2.199 desligamentos de profissionais com carteira assinada.

[...]
___
AP tem pior índice de criação de postos de trabalho, diz Caged. AP tem pior índice de criação de postos de trabalho, diz Caged. Reviewed by DMM on sábado, julho 21, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário


SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.

O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não há necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD