Header AD

Servidores pressionam governo Waldez por reajuste salarial.

Trabalhadores e representantes de Sindicatos organizados protestam contra parcelamento dos salários, reajuste e melhores condições de trabalho. Eles ocuparam espaço em frente o Palácio do Setentrião, na Av General Rondon, na manhã desta terça-feira (27). Um dos objetivos é forçar retomada da agenda do servidor e negociar os 4 anos sem aumento salarial. 


Servidores estaduais paralisaram atividades na manhã desta terça-feira (27), pedindo reajustes salariais e melhores condições de trabalho. Segundo o portal G1/Ap, maioria dos trabalhadores que participam do ato fazem parte da Saúde, Polícia Civil e do sistema penitenciário no Amapá. Os trabalhadores afirmam que o motivou do protesto foi uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que congelaria salários de servidores públicos por 10 anos.

A proposta não estaria mais na Assembleia Legislativa, uma vez  que o Gabinete do Governo teria solicitado a retirada para ajustes na sua redação.

Os trabalhadores também afirmam que o governo não está aberto para discussões e reclamam que não há correção de salários, a partir da data-base, há 4 anos.

A Secretaria de Estado do Planejamento (Seplan) informou que estuda possibilidade de reajuste salarial e extinção do salário parcelado.
___

Servidores pressionam governo Waldez por reajuste salarial. Servidores pressionam governo Waldez por reajuste salarial. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on terça-feira, fevereiro 27, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário


SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.

O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não há necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD