Header AD

Multidão lota UERJ para receber Lula no último ato da caravana pelo Rio.

Terceira e última caravana do ano foi marcada pela resistência aos cortes na Educação.

Foto: Ricardo Stuckert.
No Instituto Lula --- "Não é possível que esse país que tem uma elite tão poderosa precise de um presidente sem diploma para colocar mais alunos na universidade. Nossa elite só permitiu que o Brasil tivesse uma universidade 420 anos depois do descobrimento. Explica o atraso do nosso país.". A fala do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva diz muito sobre o tom da terceira etapa de Lula pelo Brasil. Nas passagens pelo Espírito Santo e Rio de Janeiro, a pauta fundamental foi consenso: a Educação.

A Educação também levou milhares de jovens a lotarem a Concha Acústica da UERJ na noite desta sexta-feira (8), no ato que encerrou a caravana no Rio. Palco de resistência contra o golpe e contra os retrocessos impostos às universidades públicas, a Universidade do Estado do Rio de Janeiro sofre com a precarização do ensino superior.

"Fiquei sabendo que a UERJ não pagou o 13º salário de 2016, certamente não pagará o 13º deste ano e já caminha para três meses de salário atrasado. Ora, ninguém em sã consciência pode chamar de radical alguém que se recusa a trabalhar nessas condições", disse Lula, em solidariedade à comunidade acadêmica. Para o ex-presidente, não existe saída para a crise no estado fora do auxílio federal. 

Lula, que entrou para a História como o presidente que mais inaugurou universidades - 14 no total -, agora tem uma meta mais ambiciosa. Durante a caravana pelo Rio, o ex-presidente revelou o desejo de federalizar o ensino médio. "Alguns dizem para eu federalizar os presídios. Digo a vocês que estou seriamente tentado a federalizar o ensino médio nesse país", declarou, sobre um eventual novo mandato à frente da Presidência da República.

Para Lula, a saída para o aumento da criminalidade, que afeta especialmente o Rio de Janeiro, está no investimento em educação e na geração de empregos. "Quer melhorar rapidamente o problema da violência? Você precisa ter polícia bem preparada, bem armada, bem treinada e com salário em dia. Mas você diminui mesmo é dando salário, emprego e educação para os jovens".

[...]
____
Multidão lota UERJ para receber Lula no último ato da caravana pelo Rio. Multidão lota UERJ para receber Lula no último ato da caravana pelo Rio. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sábado, dezembro 09, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário


SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


Post AD