Header AD

A luta pela democracia é perene, permanente até os dias atuais.

Na foto histórica, Eva Todor, que faleceu hoje, ao lado de Tônia Carrero, Eva Wilma, Leila Diniz, Odete Lara e Norma Bengell, na passeata dos cem mil, em 1968, protestando contra a censura.

Eva Todor, Tônia Carrero, Eva Wilma, Leila Diniz, Odete Lara e Norma Bengell, na passeata dos cem mil, em 1968. foto: Jornal Correio da Manhã.
____
A luta pela democracia é perene, permanente até os dias atuais. A luta pela democracia é perene, permanente até os dias atuais. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on domingo, dezembro 10, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário




SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD