Header AD

Dirigente do PT diz que falta coerência à Randolfe para liderar a Frente Progressista.

Na tarde deste sábado (26) durante o IV Congresso do Sindicalismo Socialista Brasileiro (SSB) que ocorreu na sede do PSB, o jornalista Heverson Castro, membro do diretório estadual do PT, disse que o senador Randolfe Rodrigues (Rede) não pode conduzir a frente progressista por estar ladeado no Amapá com o senador Davi Alcolumbre (DEM).


Segundo o petista, Randolfe se quisesse trabalhar para fazer mudanças deveria se afastar da aliança com o DEM. "O senador Davi que vota contra os trabalhadores não deve ter o apoio de partidos como o PSB, a Rede, o PT, o PSOL e o PCdoB. Mas, pelo que vemos Randolfe caminha no Amapá ladeado com o Davi", desabafou.

Castro defendeu o nome do senador João Capiberibe (PSB) para conduzir a frente ampla. "O senador Capi mantém a coerência. Vota em Brasília de um jeito e se mantém na mesma posição aqui no Amapá", disse.

Randolfe tem sido defendido pelo PSB para ser o candidato ao governo. No entanto, ele diz que só será candidato se tiver uma frente ampla de partidos.
___
Dirigente do PT diz que falta coerência à Randolfe para liderar a Frente Progressista. Dirigente do PT diz que falta coerência à Randolfe para liderar a Frente Progressista. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sábado, agosto 26, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário




SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD