Header AD

Greve Geral em Macapá foi “recado” para Waldez e Davi, diz Job Miranda.

A maior Greve Geral no Brasil, realizada nesta última sexta-feira, serviu para alertar os políticos que dão sustentação ao governo ilegítimo de Michel Temer, que apoiam nos ataques aos direitos dos trabalhadores, entre eles, Davi Alcolumbre (DEM) e Waldez Góes (PDT). É o que percebe o sociólogo e analista político Job Miranda.


Atualizado às 08h00' Para Job, a “maior greve já realizada no Brasil (e no Amapá) ocorreu ontem e demonstrou a força dos trabalhadores e dá um poderoso recado para: WALDEZ GÓES (reforma da 066). E, para os parlamentares DAVI ALCOLUMBRE” e deputados federais.

Job Miranda também inclui na lista dos que devem ficar de 'barbas de molho' os políticos  André Abdon (PR), Jozi Araújo (PRTB), Marcos Reategui (PSC), Vinícius Gurgel e Cabuçu Berges (PMDB). Esses políticos citados pelo sociólogo dão irrestrito apoio ao desmanche na aposentadoria dos brasileiros com a Reforma da Previdência, além do desmonte do estado de bem-estar social, com revogação da Consolidação das Leis do Trabalho. Eles votaram com o golpe parlamentar de 2016 e têm manifestado incondicional apoio aos ataques do governo de Temer contra os direitos dos trabalhadores.

Dos parlamentares amapaenses, apenas Randolfe Rodrigues (Rede), João Capiberibe (PSB), Janete Capiberibe (PSB) e Marcivânia Flexa, do PC do B, têm ficado do lado dos trabalhadores votando sempre ‘Não’ ao projeto dos golpistas no Congresso Nacional.

Assim como a gestão do presidente golpista mexe nos direitos básicos dos trabalhadores, o governo de Waldez Góes tenta também tirar direitos consagrados na lei de número 066, de 1993, que dispõe sobre o Regime Jurídico dos Servidores Públicos Civis do Amapá. O governo do pedetista também tenta burlar a lei de número 0949, de 23 de dezembro de 2005, que dispõe sobre normas de funcionamento do sistema estadual de educação e reestrutura o grupo magistério do quadro de pessoal do governo do estado. O governo do Amapá mexeu nas horas trabalhadas pelos professores em sala de aula, passando de 24 horas para 28h. Há professores com até 30h em sala de aula, em afronta aberta e velada à lei 0949.

___
Greve Geral em Macapá foi “recado” para Waldez e Davi, diz Job Miranda. Greve Geral em Macapá foi “recado” para Waldez e Davi, diz Job Miranda. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sábado, abril 29, 2017 Rating: 5



SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD