Header AD

Promessa de Temer a deputado do Amapá de acabar com Lava Jato se confirma sete meses depois.

Uma conversa de Whatsapp do deputado Cabuçu Borges (PMDB-AP), vazada em meados de abril, trouxe revelação que se confirma hoje, sobre intenção do presidente golpista Michel temer (PMDB) de acabar com investigações da operação Lava Jato, caso parlamentares aprovassem processo de impeachment contra Dilma Rousseff.


Deputados tentam anistiar através de lei os crimes conexos ao “caixa-dois”. O presidente golpista disse em entrevista na semana passada que sancionaria a lei da anistia aos políticos que cometeram caixa-dois.

Pressionado pela revelação de mais um crime envolvendo o ministro da articulação política, Geddel Vieira Lima e o ministro da Cultura Marcelo Celero, Temer voltou atrás hoje e disse que não sancionará anistia aos políticos corruptos, caso lei seja aprovada pelo Congresso.

Inusitado é que o presidente também é suspeito na Lava Jato de ter recebido R$10 milhões em propinas desviados da Petrobras.

Á época da conversa entre o deputado Cabuçu Borges (PMDB) com um interlocutor não identificado, o parlamentar revela que o então vice-presidente Michel Temer teria prometido que se o impeachment fosse aprovado no Congresso, ele acabaria com os desdobramentos da Operação Lava Jato.

Diante da dúvida do interlocutor, o deputado Cabuçu Borges disse que Temer o colocou com "chefes do MP e Judiciário e confirmaram"; o deputado peemedebista não negou a autenticidade da conversa. As conversas vieram à tona através do site Brasil247.com/amapa.

Segundo o Diário do Centro do Mundo, Cabuçu Borges não negou a autenticidade da conversa.

Confira a conversa:

___
Promessa de Temer a deputado do Amapá de acabar com Lava Jato se confirma sete meses depois. Promessa de Temer a deputado do Amapá de acabar com Lava Jato se confirma sete meses depois. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sexta-feira, novembro 25, 2016 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD