Header AD

Sarney pediu varredura até em escritório particular.

O inquérito da Operação Mértis, obtido pelo site ‘O Antagonista’, registra pedido de José Sarney para que a Polícia do Senado fizesse varredura até em seu "escritório particular" no Setor Hoteleiro Norte.

Sarney e Pedro Ricardo / Foto: Jane Araújo.
"À época, José Sarney já não era mais ocupante do cargo efetivo de senador da República, tampouco desempenhava quaisquer atividades parlamentares."

A PF registra a devoção de Pedro Ricardo por Sarney e sua mulher, dona Marly. "Era apenas um técnico legislativo com formação em contabilidade. Até que, em 2005, foi promovido ao posto de diretor da Polícia do Senado".

Volta à cena política.

Sarney cogita retorno ao Senado da República com candidatura pelo Amapá nas eleições de 2018, quando serão disputadas duas vagas à Câmara alta.

Eleição do ex-presidente nesta nova empreitada, daqui a dois anos, torna-se facilitada, se o aliado de primeira hora Gilvam Borges se eleger prefeito da capital amapaense.
___
Sarney pediu varredura até em escritório particular. Sarney pediu varredura até em escritório particular. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sábado, outubro 22, 2016 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD