Header AD

Chacina em Santana pode ter relação com morte de PM.

Quatro pessoas foram assassinadas a tiros na madrugada desta quinta-feira, 27, no Bairro Hospitalidade, município de Santana. Politec afirma que vítimas foram mortas com tiros na cabeça e testemunhas relatam que autores foram homens encapuzados.


O crime ocorreu por volta da 1h da manhã, na Rua Rui Barbosa, esquina com a Avenida Presidente Kennedy. O pai de uma das vítimas disse à Polícia Militar que viu tudo acontecer. Testemunhas afirmaram que havia mais três pessoas dentro do veículo, totalizando seis indivíduos.

Três vítimas morreram no local. Eles foram identificados como: Ozias Lacerda Pinheiro, de 19 anos; Bruno Cavalcante Brito, de 20 anos; e Jacildo Oliveira Brito Júnior, de 17 anos, irmão de Bruno. Arinaldo Anjos Dias, de 20 anos, ainda foi socorrido com vida, mas morreu no Hospital de Emergência de Santana.

A PM fez diligências nas redondezas atrás de um carro sedan prateado visto pelo pai de uma das vítimas e outros moradores, mas não encontrou o veículo.

A motivação também é um mistério. Dos quatro mortos, apenas Ozias tinha antecedentes criminais. Teve passagens pelo Centro Socioeducativo de Internação Masculina (Cesein) quando era menor, e estava com dois mandados de prisão por furto. Os outros não tinham antecedentes.

A PM descartou a possibilidade de alguma relação com o atentado sofrido por um sargento em Santana no último domingo, 23, porém como investigações ainda não iniciaram pode haver ligação entre o crimes.

Chacina pode ter relação com morte do Sargento da Polícia Militar Agenildo Quaresma, que foi baleado em uma área de ponte do Bairro Hospitalidade, e morreu no H.E de Santana.

O sargento Agenildo Quaresma Ferreira Júnior Morreu no início da noite desta quarta-feira (26), no H.E de Santana, do 4º Batalhão.
Ele foi vítima de disparo de arma de fogo, cartucheira, cujo crime, aconteceu em uma área de ponte que fica no bairro Hospitalidade, na tarde de domingo, quando ele foi tentar resgatar um irmão dele que estaria em uma casa com alguns drogados, que não gostaram da ação do PM, onde um deles acabou baleando o sargento, que caiu da ponte dentro do lago. Um dos marginais aproveitou que o policial estava sem forças para roubar arma ponto 40.
No momento que ele falecia, uma Guarnição da PM acabava de prender o Ratinho, que tinha em seu poder, a pistola do Agenildo. Aliás que, no dia do crime, o Ratinho chegou a ser preso, mas ele conseguiu ser liberado, pois dizia para os policiais, que ajudou a socorrer o sargento, tirando o mesmo do lago.
Com informações do blog do Seles Nafes.
___
Chacina em Santana pode ter relação com morte de PM. Chacina em Santana pode ter relação com morte de PM. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on quinta-feira, outubro 27, 2016 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD