Header AD

Alcilene: para ajudar Gilvam TV ‘Record cortou o último bloco do debate’.

Para auxiliar o candidato do PMDB, a TV Equatorial que retransmite o sinal da TV Record no Amapá cortou o último bloco do debate entre Gilvam Borges e Clécio Luís. Quem afirma é a competente jornalista e blogueira Alcilene Cavalcante, no Twitter, logo após encerramento do embate entre os candidatos.


---‘Em Macapá só falta boi voar mesmo. O candidato se ferra no debate, e a emissora cujo dono é o vice, acaba com o debate’ – escreveu na rede social.

Segundo a jornalista, o programa deixou de exibir um bloco, aquele que em todo bom debate existe: o de perguntas entre os candidatos. “A regra tinha mais um bloco de perguntas entre candidatos. A emissora na marra, cortou o bloco”.

--- ‘Atentos . Record cortou o último bloco do debate. Que absurdo. Que palhaçada . Gilvan não dá conta de debater e a emissora acaba o debate’ --- denuncia.

A jornalista acusa a emissora de agir a favor do candidato do PMDB e contra Clécio, ao não permitir direito de resposta para o candidato da Rede. “Gilvam chama Clécio de criminoso e Record não dá direito de resposta . A TV é do vice de Gilvan . Mas tá feio (...) Produção da Record, que é de Adiomar, selecionou perguntas pra Gilvan só cortar. Problema: ele não consegue”, escreveu na rede social Twitter.
__
Alcilene: para ajudar Gilvam TV ‘Record cortou o último bloco do debate’. Alcilene: para ajudar Gilvam TV ‘Record cortou o último bloco do debate’. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sábado, outubro 22, 2016 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD