Header AD

A derrota dos Sarneys no Maranhão.

A participação dos Sarneys na eleição do primeiro turno em São Luís foi um fiasco. Candidato a vereador, o ex-presidente da Câmara, Ivan Sarney, irmão do ex-senador José Sarney, foi um vexame nas urnas, obtendo apenas 709 votos.

Foto: Jornal Pequeno.

Do blog do John Cutrin.
[...]
Ivan Sarney foi vereador entre 1992 e 2004. A campanha do servidor aposentado contou, inclusive, com apoio financeiro de Sarney, que doou R$ 5.000 para ajudar na eleição. Além de ver o irmão derrotado, o PMDB comandando pela família na capital viu o candidato Fábio Câmara ficar apenas na 5ª colocação, com 19.045 votos (3,63% dos votos válidos).

Os candidatos a prefeito apoiados pelo clã Sarney também não se saíram bem e foram derrotados.

O neto do ex-senador José Sarney, deputado Adriano Sarney, por exemplo, era um dos coordenadores da candidata Eliziane Gama (PPS), que ficou apenas em quarto lugar com 6,19% dos votos. O ministro Zequinha Sarney (Meio Ambiente) também optou pela candidatura da deputada federal.

Já o deputado estadual Edilázio Júnior (PV), genro de Ronald Sarney, que é irmão do ex-presidente Sarney, apoiou o empresário Wellington do Curso, do PP, que ficou de fora do segundo turno após ser ultrapassado por Eduardo Braide. A ex-governadora Roseana Sarney, apesar de não declarar oficialmente, tinha simpatia pelo nome Wellington.

Mas nada está perdido. A família Sarney aposta em uma candidatura no segundo turno na capital, e para isso já disponibilizou toda a estrutura de comunicação e mídia para esse candidato.
___
A derrota dos Sarneys no Maranhão. A derrota dos Sarneys no Maranhão. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on segunda-feira, outubro 03, 2016 Rating: 5



SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD