Header AD

Professores acusados de apoiar eleição de Waldez viram alvo de chacotas nas redes sociais.

Fato inédito na educação do Amapá vem ocorrendo nos últimos dias: furtos, roubos, assaltos, violência nas escolas estaduais. Outro fato inusitado que saltou os olhos aconteceu na escola Almirante Barroso, em Santana, na última quarta-feira, quando professores fizeram ronda para evitar que ladrões invadissem e roubassem os equipamentos do colégio.


De acordo com o jornalista Valdeí Balieiro, foram cerca de dez profissionais que passaram a noite no colégio.

O fato provocou polêmica nas redes sociais.

Veja algumas observações.

 — ‘Tem que acampar mesmo, eles foram os responsáveis por esse governo que tá aí, faziam campanha dia e noite pra esse governador, agora que fique 24 hrs reparando as escolas’.

 — ‘Comediantes puros’, e ‘Só observo esta marmota.’.

 — ‘Ainda lembro bem da camisa preta q dizia:"PROFESSOR NAO VOTA EM OPRESSOR". Não to defendendo o outro governo, mas acho q esse ai foi a pior escolha’.

 — ‘Essas pessoas nem deveriam ser chamada de professores, não tem o mínimo de respeito pela sua classe se desvalorizando assim, se comportando como um profissional desqualificado eu teria vergonha se meus filhos fosse educados por professores q se comportam manobra de um governo despreparado, só lamento q essa atitude desmoraliza toda uma categoria q já é bastante humilhada’.

 — ‘Pobres professores ganhando mal e com os salários parcelados, ainda tem que fazer a segurança da escola...’
Uma docente contestou críticas generalizadas, pois, segundo ela, nem todos os professores votaram no atual chefe do Executivo.

Toda a polêmica pode ser acompanhada na página do perfil do blog do jornalista Seles Nafes, no Facebook, aqui.

Desde que o governo do Estado comunicou o fim dos contratos com as empresas de segurança, escolas estaduais têm sido alvos de bandidos que invadem, arrombam, saqueiam e assaltam alunos e professores, como foi o caso da escola Cecília pinto. Em outros colégios, os meliantes levam equipamentos como computadores e televisores.

Leia Mais..
Ex-secretário afirma que Aroldo Rabelo e conselheiros são os "grandes traidores!" da educação do AP.
Aulas suspensas: sem vigilantes, escolas vivem onda de furtos e assaltos.
Waldez tenta dar uma resposta a crises em diversos setores de seu governo.


___
Professores acusados de apoiar eleição de Waldez viram alvo de chacotas nas redes sociais. Professores acusados de apoiar eleição de Waldez viram alvo de chacotas nas redes sociais. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sábado, agosto 13, 2016 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD