Header AD

Sarney tenta sabotar o Estado do Maranhão.

O ex-senador pelo Amapá e ex-presidente, José Sarney, planeja retaliar o governador Flávio Dino (PCdoB-Ma). De acordo com site Brasil 247 (Ma), uma das primeiras reivindicações dos Sarney ao presidente interino Michel Temer é a federalização do Porto de Itaqui, em São Luís (MA), que, junto com terminais privados da Vale e da Alumar, integram o segundo maior complexo do gênero do Brasil em movimentação de cargas. A família Sarney já faz parte do governo Temer com Sarney Filho (PV-MA), que assumiu o Ministério do Meio Ambiente.


Leia matéria

Do site Brasil/247.

Maranhão 247 - Depois de perder o domínio da política maranhense após 50 anos, a família Sarney, cujo principal nome é o ex-presidente da República José Sarney (PMDB). Uma das primeiras reivindicações do grupo ao presidente interino Michel Temer é a federalização do Porto de Itaqui, em São Luís (MA). A intenção seria retaliar o governador Flávio Dino (PCdoB). A informação é da coluna de Ricardo Boechat, da IstoÉ.

Desde 2011, a área está sob gestão da Empresa Maranhense de Administração Portuária, lembra o texto. Itaqui, junto com terminais privados da Vale e da Alumar, integram o segundo maior complexo do gênero do Brasil em movimentação de cargas. Também está entre o dez maiores do mundo.
Além de Temer fazer parte do mesmo partido que o ex-presidente José Sarney, principal nome do PMDB, Sarney Filho (PV-MA) assumiu o Ministério de Meio Ambiente - ele é filho do peemedebista.
___
Sarney tenta sabotar o Estado do Maranhão. Sarney tenta sabotar o Estado do Maranhão. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on terça-feira, maio 17, 2016 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD