Header AD

Sem provas, STF arquiva inquérito sobre Randolfe.

Ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, determinou o arquivamento de inquérito contra o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), o parlamentar foi citado pelo delator da Lava Jato Carlos Alexandre de Souza Rocha por supostamente ter recebido propina de R$ 200 mil. O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, havia sugerido o arquivamento após ver contradição ente o relato de Rocha e outro delator.


Do site Brasil 247.

247 – O ministro Teori Zavascki, relator dos processos da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), determinou a arquivamento do inquérito contra o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) pela citação de seu nome na delação de Carlos Alexandre de Souza Rocha, conhecido como 'Ceará'.

O ministro seguiu o entendimento do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que recomendou o arquivamento após ver contradição entre o relato de Rocha e do doleiro Alberto Youssef, de quem Rocha era transportador de dinheiro. Randolfe teria recebido R$ 200 mil em propina, de acordo com Ceará.

Reinquirido pela PGR, no entanto, Youssef negou ter repassados os valores ao senador e ter tido conversa sobre o parlamentar com Ceará. O doleiro afirmou que nem conhece Randolfe.

A decisão do Supremo é de 9 de dezembro, antes de ser publicado o conteúdo da delação de Rocha. A Folha de S. Paulo divulgou um trecho do depoimento em que o delator cita o senador Aécio Neves (PSDB-MG), que teria recebido R$ 300 mil em propina, e Renan Calheiros (PMDB-AL). Os dois negaram as acusações.
__
Sem provas, STF arquiva inquérito sobre Randolfe. Sem provas, STF arquiva inquérito sobre Randolfe. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on segunda-feira, janeiro 04, 2016 Rating: 5

Nenhum comentário




SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD