Header AD

Dr. Furlan: ‘Não podemos aceitar R$ 10 milhões para uma Expofeira’ enquanto faltam remédios nos hospitais.

O médico e deputado Antônio Furlam (PTB) justificou sua saída da base de sustentação política do governo do Estado na Assembleia Legislativa, nesta terça – feira (20), em entrevista ao jornalista Luiz Melo (Diário FM), fazendo críticas incisivas contra o governo.

“Não podemos aceitar dez (10) milhões de reais, trazendo artistas de fora do estado para ganhar quatrocentos (400) e trezentos (300) mil reais e não ter remédios nos hospitais. Então tá errado. Eu não sou obrigado a continuar nesse projeto, apoiando”, cravou Furlan, conciso.

A principal reclamação do parlamentar é em relação às prioridades do governo do Estado. Ele puxou o movimento da debandada na Assembleia, na manhã desta segunda-feira (19). Disse que em dez meses de gestão, muito pouco se avançou no que foi prometido na campanha eleitoral, e que os problemas no setor saúde são os que mais afligem a população. “A saúde pública permanece em estado de emergência e não se consegue detectar medidas projetando melhoras a curto prazo”, falou, acrescentando que o executivo está equivocado quanto às prioridades.

Furlam afirma que as políticas que estão sendo usadas como prioridade não merece esse rótulo. Para ele, prioridade é saúde, educação, segurança pública. “Dessa forma, vamos nos posicionar num bloco central independente. E, o PTB só vai votar a favor do que for prioridade para a população”, declarou.

O deputado e pelo menos 15 parlamentares deixaram a base de apoio do governo de Waldez Góes na Assembleia Legislativa do Amapá. O anúncio ocorreu na sessão desta segunda-feira (19).
__

Dr. Furlan: ‘Não podemos aceitar R$ 10 milhões para uma Expofeira’ enquanto faltam remédios nos hospitais. Dr. Furlan: ‘Não podemos aceitar R$ 10 milhões para uma Expofeira’ enquanto faltam remédios nos hospitais. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on terça-feira, outubro 20, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário




SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD