Header AD

Comissão do TRE-AP não encontra indícios de envolvimento de juízes e arquiva caso do áudio.

O Tribunal Regional Eleitoral-AP concluiu, nesta segunda-feira (05), os trabalhos da Comissão Interinstitucional instituída para apurar envolvimento de magistrados no caso do suposto esquema de venda de votos no Tribunal.


O caso veio à tona com o vazamento pelas redes sociais, nos dias 26 e 27 de setembro, do áudio gravado pelo advogado do prefeito de Laranjal do Jari, Walber Bode Queiroga (PDT), ver aqui.

A Comissão instituída no dia 28 passado para esclarecer o caso, composta pelo Presidente do TRE Amapá, Desembargador Carlos Tork; pelo Procurador Regional Eleitoral, Dr. Ricardo Negrini; pelo Procurador Geral de Justiça do Amapá, Dr. Roberto Álvares; pelo Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Amapá (OAB/AP), Dr. Paulo Campelo e pelo Presidente da Associação dos Magistrados do AP, Dr. Paulo Madeira e secretariada pelo Assessor Jurídico do TRE, Dr. José Seixas, não encontrou indícios do envolvimento de juízes.

Segundo o TRE, após análise minuciosa de documentos, inclusive de extratos bancários que foram apresentados voluntariamente pelos juízes, além de ouvir os magistrados citados no áudio, à luz das informações e dos documentos apresentados, a Comissão concluiu que não há razão para acreditar que os magistrados citados tenham participado de alguma negociação para recebimento de valores.









___
Comissão do TRE-AP não encontra indícios de envolvimento de juízes e arquiva caso do áudio. Comissão do TRE-AP não encontra indícios de envolvimento de juízes e arquiva caso do áudio. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on terça-feira, outubro 06, 2015 Rating: 5



SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD