Header AD

Alap pagará cerca de R$ 800 mil por internet residencial a deputados.

A Assembleia Legislativa do Amapá pagará quase R$800 mil por contrato de serviços de internet para residências dos parlamentares.


O teor do documento foi publicado na rede social Facebook, na manhã desta quinta – feira (22) e provocou surpresa em alguns internautas que fizeram críticas ao referido contrato, cuja efetivação será pago com recursos públicos da Assembleia. “Daqui a pouco até o supermercado e escola particular vai sair do seu bolso e do meu”, diz Tavarez Michael, um dos internautas que publicaram o documento.

O valor exato do contrato é de R$ 785.840,00 por um período de hum (1) ano. Dividindo este valor por 24 parlamentares, equivale a R$ 32.743,33 para cada deputado, ou seja, pode ser que seja um dos contratos de internet individuais mais caros do país.

Depois de ser cobrado no Twitter do porquê do seu nome e endereço estar no documento, o deputado Paulo Lemos (PSOL) afirmou que “jamais foi consultado sobre o processo” e que seu endereço é de conhecimento da Assembleia. Ele afirmou que já paga um contrato residencial de R$ 130,00 com a empresa VocêTelecom. Paulo Lemos e o deputado Ericlaudio Alencar (PDT) disseram que irão “abrir mão” do serviço.







___

Alap pagará cerca de R$ 800 mil por internet residencial a deputados. Alap pagará cerca de R$ 800 mil por internet residencial a deputados. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on quinta-feira, outubro 22, 2015 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD