Header AD

TRE-AP se manifesta sobre suposta compra de votos no Tribunal.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AP) repercutiu nota sobre gravação de áudio em que o atual prefeito de Laranjal do Jari, Walber Bode Queiroga, cita um dos juízes do TRE  que teria vendido voto em julgamento de cassação do prefeito.


O Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP) esclarece em nota, nesta segunda-feira (28), que constituiu uma Comissão Inter-Institucional que analisará o caso da suposta compra de votos na Instituição, revelada em uma gravação de áudio difundida nas redes sociais neste final de semana, aqui.

O TRE diz que a previsão de conclusão da averiguação é de 30 dias. O Tribunal ressalta ainda "que é competência do Presidente do TRE promover a apuração imediata dos fatos narrados no áudio e processar sindicância contra juízes membros do Tribunal, com relatório aprovado em Plenário, caso seja constatado algum ato ilícito".

Leia, a íntegra.

Tribunal Regional Eleitoral do Amapá.
Nota de Esclarecimento do TRE AMAPÁ
Em razão do teor de uma gravação que circulou nas redes sociais, nos dias 26 e 27 de setembro (sábado e domingo respectivamente), que nominalmente menciona a vinculação de um juiz eleitoral e advogados em atos aparentemente ilegais, o Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP) esclarece que constituiu, para averiguação prévia, uma Comissão Inter-Institucional que analisará o caso.
A Comissão é composta pelo Presidente do TRE Amapá, Desembargador Carlos Tork; pelo Procurador Regional Eleitoral, Dr. Ricardo Negrini; pelo Procurador Geral de Justiça do Amapá, Dr. Roberto Álvares; pelo Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Amapá (OAB/AP), Dr. Paulo Campelo e pelo Presidente da Associação dos Magistrados do AP, Dr. Paulo Madeira.
O assessor jurídico da Presidência do TRE, Dr. José Seixas, secretariará os trabalhos da Comissão. A previsão de conclusão da averiguação é no período de 30 dias, mas pode ser concluído em 15 dias.
A Justiça Eleitoral ressalta que é competência do Presidente do TRE promover a apuração imediata dos fatos narrados no áudio e processar sindicância contra juízes membros do Tribunal, com relatório aprovado em Plenário, caso seja constatado algum ato ilícito. A medida consta na Legislação específica do regimento interno da instituição.
O TRE enfatiza e esclarece a população que é dever do Tribunal zelar pela atuação ética de seus membros, pelos princípios da legalidade, da transparência e da moralidade. Portanto, após a conclusão dos trabalhos da Comissão, se verificado indícios de irregularidades, o relatório será encaminhado para as autoridades competentes para a tomada de providências cabíveis.

___
TRE-AP se manifesta sobre suposta compra de votos no Tribunal. TRE-AP se manifesta sobre suposta compra de votos no Tribunal. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on segunda-feira, setembro 28, 2015 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD