Header AD

TRE-AP se manifesta sobre suposta compra de votos no Tribunal.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AP) repercutiu nota sobre gravação de áudio em que o atual prefeito de Laranjal do Jari, Walber Bode Queiroga, cita um dos juízes do TRE  que teria vendido voto em julgamento de cassação do prefeito.


O Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP) esclarece em nota, nesta segunda-feira (28), que constituiu uma Comissão Inter-Institucional que analisará o caso da suposta compra de votos na Instituição, revelada em uma gravação de áudio difundida nas redes sociais neste final de semana, aqui.

O TRE diz que a previsão de conclusão da averiguação é de 30 dias. O Tribunal ressalta ainda "que é competência do Presidente do TRE promover a apuração imediata dos fatos narrados no áudio e processar sindicância contra juízes membros do Tribunal, com relatório aprovado em Plenário, caso seja constatado algum ato ilícito".

Leia, a íntegra.

Tribunal Regional Eleitoral do Amapá.
Nota de Esclarecimento do TRE AMAPÁ
Em razão do teor de uma gravação que circulou nas redes sociais, nos dias 26 e 27 de setembro (sábado e domingo respectivamente), que nominalmente menciona a vinculação de um juiz eleitoral e advogados em atos aparentemente ilegais, o Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP) esclarece que constituiu, para averiguação prévia, uma Comissão Inter-Institucional que analisará o caso.
A Comissão é composta pelo Presidente do TRE Amapá, Desembargador Carlos Tork; pelo Procurador Regional Eleitoral, Dr. Ricardo Negrini; pelo Procurador Geral de Justiça do Amapá, Dr. Roberto Álvares; pelo Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil – Secção Amapá (OAB/AP), Dr. Paulo Campelo e pelo Presidente da Associação dos Magistrados do AP, Dr. Paulo Madeira.
O assessor jurídico da Presidência do TRE, Dr. José Seixas, secretariará os trabalhos da Comissão. A previsão de conclusão da averiguação é no período de 30 dias, mas pode ser concluído em 15 dias.
A Justiça Eleitoral ressalta que é competência do Presidente do TRE promover a apuração imediata dos fatos narrados no áudio e processar sindicância contra juízes membros do Tribunal, com relatório aprovado em Plenário, caso seja constatado algum ato ilícito. A medida consta na Legislação específica do regimento interno da instituição.
O TRE enfatiza e esclarece a população que é dever do Tribunal zelar pela atuação ética de seus membros, pelos princípios da legalidade, da transparência e da moralidade. Portanto, após a conclusão dos trabalhos da Comissão, se verificado indícios de irregularidades, o relatório será encaminhado para as autoridades competentes para a tomada de providências cabíveis.

___
TRE-AP se manifesta sobre suposta compra de votos no Tribunal. TRE-AP se manifesta sobre suposta compra de votos no Tribunal. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on segunda-feira, setembro 28, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário




SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD