Header AD

Randolfe a Dilma: adote o imposto sobre os ricos, faça a auditoria da dívida pública.

Depois do senador João Capiberibe (PSB-AP) articular para que bancada do partido no senado faça oposição ao governo cambaleante de Dilma Rousseff (PT) [ aqui], agora é a vez do senador pessolista, Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) fazer uma oposição eloquente ao governo petista. Ele utilizou o Plenário do senado para fazer duras críticas; "A presidente Dilma não pode entrar para a história como a coveira da esquerda, como uma assassina de sonhos"; falou também: "Presidente Dilma, reverta a política de juros altos, adote o imposto sobre os ricos, faça a auditoria da dívida pública, cesse o arrocho aos trabalhadores públicos e privados e poupe os programas sociais, a educação e a saúde das medidas de ajuste fiscal".



O senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) fez um duro discurso da tribuna nesta quarta-feira (16) contra o ajuste fiscal implementado pelo governo da presidente Dilma Rousseff. O parlamentar criticou a falta de diálogo do governo e a proposta de retorno da cobrança da CMPF.

"A presidente Dilma não pode entrar para a história como a coveira da esquerda, como uma assassina de sonhos", criticou o parlamentar. "O governo é ruim de serviço e suas trapalhadas se multiplicam a cada dia", concluiu Randolfe.

O senador cobrou cinco medidas: "Presidente Dilma, reverta a política de juros altos, adote o imposto sobre os ricos, faça a auditoria da dívida pública, cesse o arrocho aos trabalhadores públicos e privados e poupe os programas sociais, a educação e a saúde das medidas de ajuste fiscal".

Na avaliação de Randolfe, "o governo Dilma assume cada vez mais as posições da direita, perde a cada dia a legitimidade junto ao povo e aos atores políticos para implementar qualquer medida".

Ele definiu o atual momento político como 'bizarro'. "Manifestações da velha direita pedem a cabeça de Dilma, embora apoiem sua política. Do lado oposto, alguns sindicatos de trabalhadores e partidos governistas querem sustentar Dilma, mas criticam sua política".

Sem citar diretamente PT, PMDB e PSDB, o senador afirmou que “temos que reconhecer que os maiores partidos do país não têm apresentado solução para a crise por que passa o país. Procuram, na verdade, saídas que atendam a seus interesses próprios". (Com informações da Agência Senado).
__
Randolfe a Dilma: adote o imposto sobre os ricos, faça a auditoria da dívida pública. Randolfe a Dilma: adote o imposto sobre os ricos, faça a auditoria da dívida pública. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on quarta-feira, setembro 16, 2015 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD