Header AD

Poderes discutem construção de pacto contra crise na saúde pública do Amapá.

Governo do Estado do Amapá reuniu nesta sexta-feira (18) prefeituras, parlamentares e o Judiciário para discutir sobre o destino da saúde e de que forma cada setor poderá contribuir para a melhoria dos serviços prestados à população; durante a reunião foi estabelecido o prazo de cinco dias úteis para o levantamento das demandas do Estado e municípios.

Foto - Gea.
O governo do Estado busca soluções para melhoria da saúde pública no Amapá, depois da repercussão em rede nacional dos precários atendimentos tanto no Hospital das Clinicas Alberto Lima, quanto no único pronto socorro do estado [aqui].

Os gestores da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), Renilda Costa e Antonio Teles Júnior, estiveram na reunião nesta sexta-feira, 18, com a juíza federal Lívia Peres e com o procurador Felipe Moura Palha, do Ministério Público Federal. Representantes da Defensoria Pública da União, senadores e deputados da bancada federal do Amapá, Assembleia Legislativa e prefeitos dos municípios do Estado também participaram do encontro.

Para a Secretaria de Saúde do Estado (SESA), o objetivo da reunião foi unir o Executivo, Legislativo e Judiciário para a construção de um pacto pela saúde com o objetivo de integrar esforços, cada um dentro de sua esfera de responsabilidade, e atuar na solução concreta dos problemas que a saúde do âmbito do Estado e dos municípios enfrenta atualmente.

Segundo assessoria da Sesa, durante a reunião a juíza Lívia Peres falou que a saúde precisa ser pensada como um todo. "O problema da saúde não é local, está enraizado no Brasil inteiro, mas precisamos pensar a saúde do nosso Estado de forma diferente. Em que cada um pode colaborar? É preciso que as ações deixem de ser pensadas de forma individual", enfatizou.

Os envolvidos discutiram sobre o destino da saúde e de que forma cada setor poderá contribuir. Em acordo, estabeleceram que em um prazo de cinco dias úteis o Governo do Estado e as prefeituras deverão entregar aos parlamentares da bancada federal um planejamento que aponte as necessidades da saúde.

A saúde pública do Amapá virou notícia nacional, devido precariedade no atendimento dos pacientes que procuram tratamento nos serviços de saúde estaduais [aqui].
___
Poderes discutem construção de pacto contra crise na saúde pública do Amapá. Poderes discutem construção de pacto contra crise na saúde pública do Amapá. Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sábado, setembro 19, 2015 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD