Header AD

Jovem diz que presidente do Brasil é "assassina", "vagabunda" e "terrorista".

Opinião: direita brasileira mostra as garras contra Dilma: 'Foi uma honra', diz jovem que chamou Dilma de 'vagabunda', "assassina", "pilantra" e "terrorista.

Foto: Agência Yahoo de Notícias
O candidato derrotado a Presidência da República Aécio Neves faz escola. Certamente o jovem Igor Gilly é um eleitor de Aécio - o representante-mor da mais atrasada direita brasileira, desde "o corvo". Sim, atrasada, repito, pois pensar que as ofensas contra a presidente do Brasil foram um protesto de sucesso, engana-se. Pura baixaria desprezível.

Nos últimos meses de acirramento político e o sacolejo da onda conservadora no país, o direitista Carlos Lacerda, "o corvo" é sempre lembrado como uma das oposições históricas que o país já conhecera, totalmente divergente da oposição hoje praticada por Aécio Neves.

"Não gosto de política... gosto é do poder. Política para mim é um meio para chegar ao poder”, dizia Carlos Lacerda, pelo menos ele tinha personalidade e caráter político. Já o mineiro, sem conteúdo e sem perspectiva de vencer eleição em 2018, não apresenta o mesmo perfil do seu avô, pois flerta despudoradamente com o golpismo.

Voltando às acusações sem fundamento, desconfio que o ataque seja de um verdadeiro eleitor de Aécio, tem tudo a ver com ele.

O rapaz se orgulha por ter se infiltrado na comitiva da presidente Dilma Rousseff nos EUA e ter ofendido a presidente de “pilantra” , “vagabunda” e de "terrorista". Uma afronta a milhões de brasileiros. O fato ocorreu na última quarta-feira (1) e foi contado com detalhes por ele em sua conta no Facebook e em vídeo que ele mesmo produziu (assista abaixo). Os xingamentos aconteceram durante passagem de Dilma pela Universidade de Stanford.

A atitude do jovem só pode ser explicada por duas hermenêuticas: Ingenuidade ou interesses escusos.

Se estiver motivado por tudo que a imprensa brasileira noticia, a de que o PT inventou a corrupção no país, pode-se classificá-lo como um genuíno "midiota", para não dizer idiota, mesmo. Caso tenha consciência política (dos enormes interesses econômicos por trás dela), pode-se dizer que aja por interesses de classe.

Para clarear este último ponto de vista basta verificar sua origem social e geográfica para se compreender seu fajuto "protesto", aqui denominado de fundamentalismo político (barato).

Informações dão conta de que o jovem não desistirá das ofensas, que não irá parar de ofender a presidente. Ele diz em seu perfil no Facebook ser "uma honra ter falado tudo que estava travado na garganta".

Fico imaginar se ao invés de Dilma ele ofendesse e acusasse o presidente Barack Obama, quantos meses ou anos poderia ficar na cadeia, hein?

Assista o vídeo as acusações diversas contra a presidente do Brasil.



Texto: Max Borges
Atualizado : 06/07/02015. às 18: 24
__
Jovem diz que presidente do Brasil é "assassina", "vagabunda" e "terrorista". Jovem diz que presidente do Brasil é "assassina", "vagabunda" e "terrorista". Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sábado, julho 04, 2015 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD