Header AD

Donos de bar em Belém são inocentados pela Justiça

Os advogados do casal receberam a decisão da Justiça na tarde desta segunda-feira (29).

(Foto: Reprodução/Facebook)


A Justiça do Pará determinou nesta segunda-feira (29) a soltura e o trancamento do processo contra Karllana Cordovil de Carvalho e João Pedro de Sousa Pauperio, proprietários de um bar localizado no bairro do Reduto, em Belém. O casal foi preso na última quinta-feira (25), sob a suspeita de tráfico de drogas.

Segundo a Justiça, o bar não apresentava indícios visíveis de delito, como a presença de usuários ou cheiro e fumaça do consumo de drogas, o que inviabilizaria a entrada no domicílio pelos policiais sem um mandado judicial.

Também foi apontado que as denúncias feitas contra o bar “foram datadas muitos dias antes da operação policial”, não caracterizando uma visibilidade do flagrante.

A Justiça ainda questionou o fato de, segundo depoimento dos policiais que efetuaram a prisão, João ter sido detido antes de que fosse feita a revista na casa, considerada “atitude muito imprudente e que termina por se tornar suspeita, pois prenderam a pessoa antes de qualquer outra evidência da ocorrência do crime”.

A sentença ainda aponta que o casal “já vinha denunciando às corregedorias de policial civil e militar a tentativa de extorsão por parte de policiais praticada contra os presos e contra o estabelecimento comercial”, que “não é comum que um traficante de droga se exponha voluntariamente diante da polícia, inclusive recorrendo ao órgão correcional da mesma” e que os dois já haviam manifestado “a preocupação antiga [...] em que a polícia pudesse imputar ao local a pecha de ponto de venda de drogas”.

Com esses fatos, a Justiça determinou como ilícitas todas provas apresentadas pelos policiais durante o momento da prisão e decretou a liberdade do casal, que saem sem ficha criminal, sem responder a nenhum processo.

Finalmente, a Justiça ainda determinou a devolução dos R$ 1.240,90 apreendidos no bar durante a prisão. A quantia foi apreendida como dinheiro proveniente da venda de drogas, mas a Justiça entendeu que era apenas o caixa do bar.

Durante o período em que estiveram presos, familiares, amigos e clientes do casal criticaram duramente o motivo da prisão.

Do Diário On Line

Leia mais sobre este caso:

Prisão de casal causa polêmica em Belém do Pará

Jornalista analisa prisão de casal paraense

__
Donos de bar em Belém são inocentados pela Justiça Donos de bar em Belém são inocentados pela Justiça Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on segunda-feira, junho 29, 2015 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD