Header AD

Negociação: Prefeitura e professores da rede municipal de Macapá

Greve: Prefeitura de Macapá continua negociação com trabalhadores da Educação.


Após contraproposta apresentada pela Executiva Municipal do Sindicato dos Servidores Públicos da Educação do Amapá (Sinsepeap), o prefeito de Macapá, Clécio Luís e equipe técnica receberam nesta quarta-feira, 29, representantes da categoria para dar continuidade à Mesa de Valorização do Servidor.

Na reunião, educadores reforçaram o pedido de divisão do reajuste no vencimento base, estipulado em 13%, sendo que a prefeitura pagaria o percentual em duas vezes, com a primeira parcela de 10% em maio e 3% em outubro. Por sua vez, o prefeito reforçou a atual situação financeira da administração municipal e os avanços significativos feitos na educação, sobretudo, no que diz respeito à valorização do servidor.

Nos últimos dois anos, a Prefeitura de Macapá investiu R$ 20 milhões no pagamento de salários atrasados, concedeu 8% de reajuste, incluindo o piso de 7,97% para professores, pedagogos e auxiliares. Dos 41% investidos somente em março deste ano, 34% foi destinado à folha de pagamento, o que gera um impacto de 35% acima do orçamento só com folha.

Em 2014, apesar da polêmica da incorporação, os acordos assumidos em assembleia foram cumpridos, como o da insalubridade de 20% dos auxiliares educacionais e o pagamento de duas progressões. “Vale ressaltar que, quando a prefeitura apresentou a proposta em 2014, era esperado um crescimento do PIB de 4,5%, o que não se consolidou, crescendo apenas 0,1%. Além do que o reajuste proposto pelo MEC, apesar de justo, não dialoga com a realidade da economia brasileira. Para se ter uma ideia clara, só nesses 3 primeiros meses de 2015, houve uma queda de 11% em nossos repasses constitucionais”, explicou o prefeito.

A negociação com a categoria também contou com a participação e intervenções dos vereadores Washington Picanço, Gian do NAE, André Lima e professor Madeira. O prefeito garantiu que nos próximos dias a administração formalizará a nota técnica, com dados de receitas, previsão do Fundo de Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), orçamento do setor e impactos na folha de pagamento.

Andreza Sanches/Asscom PMM
__
Negociação: Prefeitura e professores da rede municipal de Macapá Negociação: Prefeitura e professores da rede municipal de Macapá Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on quinta-feira, abril 30, 2015 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD