Header AD

Austeridade: a palavra do momento no Brasil

Governador Waldez Góes determina corte de gastos com passagens, carros e consultorias

WG
Austeridade. Esta é a palavra que alguns governantes fixaram para seus comandados nas solenidades de posse no inicio deste ano. “Ano de austeridade e dificuldades não só para o Acre como também para todo o Brasil”, disse o governador reeleito do Acre, Tião Viana(PT).

No Amapá a coisa está parecida com a de outros estados. Após tomar pé da situação, o novo governo de Waldez Góes(PDT), já está tomando medidas para amenizar a crise financeira.

Segundo relatório do governo pedetista, há preocupação em reduzir gastos com passagens, carros e consultorias, além de despesas com locomoção, material de consumo, locação de mão de obra, serviços de terceiros, instalações de pequeno porte, arrendamentos mercantis e alugueis de veículos. É o chamado “contingenciamento de despesas excessivas custeadas pelo governo”, que tanto alardeou o governador Waldez nos primeiros dias no poder.

Nos releases da Secretaria de Estado do Planejamento(SEPLAN) enviados para a imprensa o corte que deverá ser feito é de R$ 60 milhões. "O objetivo é gastar menos com o custeio da máquina para poder gastar mais com as pessoas, com as obras e investimentos que beneficiam a população. Porém eu só posso gastar mais com as pessoas se nós restabelecermos o equilíbrio financeiro-orçamentário do Estado", esclarece o secretário, Antônio Teles(PDT).

Diante da crise financeira por que passa o Estado, sobra espaço para a política partidária e críticas ao governo anterior para justificar a dureza dos cortes nas contas públicas. “O dinheiro vai deixar de circular por uma via para circular por outra. Por exemplo, na residência oficial, durante a gestão passada, se gastava mais de R$ 1200 por mês comprando picanha. Esse dinheiro deveria ser revertido na saúde, por exemplo", criticou o secretário.

De acordo com a explicação do secretário Antônio Teles, as medidas não se aplicarão aos setores essenciais da administração pública, entre eles, a saúde, educação e segurança pública.
__
Austeridade: a palavra do momento no Brasil Austeridade: a palavra do momento no Brasil Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on quinta-feira, janeiro 15, 2015 Rating: 5



SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD