Header AD

Atestado de incompetência?

Janete Capiberibe diz que "Waldez assina atestado de incompetência"

Deputada
Uma semana depois da posse do governador Waldez Góes(PDT) alguns serviços oferecidos à população foram interrompidos, com isso as cobranças começam a aparecer.

Uma voz da oposição que se insurge contra o novo governo é o da deputada Janete Capiberibe(PSB)."O governante que inicia sua gestão fechando serviços já oferecidos à população está declarando, portanto, sua incompetência para governar.".

A deputada lembra que  foi denunciado durante a campanha eleitoral a ameaça de desmonte dos serviços públicos representada pelo grupo político que hoje está no poder, o acusando que "entre 2003 e 2010, esse mesmo grupo político desmontava os serviços públicos de educação, saúde, cultura, infraestrutura alegando falta de dinheiro. Desviou mais de R$ 1 bilhão dos cofres públicos do Amapá."

Veja o texto completo

Waldez assina atestado de incompetência

*Janete Capiberibe

É obrigação do poder público transformar em serviços públicos eficientes os recursos já arrecadados em impostos. Por isso, o pior governo é aquele que recusa serviços essenciais à população. O governante que inicia sua gestão fechando serviços já oferecidos à população está declarando, portanto, sua incompetência para governar. Esta já é, de imediato, a marca do desgoverno que acaba de iniciar no Amapá. 

Alertamos, durante a campanha eleitoral, a ameaça de desmonte dos serviços públicos representada pelo grupo político varrido do Amapá em 2010 e do Maranhão, ano passado. Entre 2003 e 2010, esse mesmo grupo político desmontava os serviços públicos de educação, saúde, cultura, infraestrutura alegando falta de dinheiro. Desviou mais de R$ 1 bilhão dos cofres públicos do Amapá.

Agora, repetem a mesma receita de fraude. Fecham o Museu Sacaca (que desmontaram em 8 anos, mas que foi reconstruído pelo governador Camilo). 

Fecham a Unidade de Pronto Atendimento – UPA - da Zona Norte. Nova, recém construída e equipada pelo governador Camilo, com profissionais contratados por concurso. O governador recém empossado nega o atendimento à saúde para boa parte da população do Amapá. Repete o mesmo da sua gestão anterior, quando sucateou e depredou o Amapá durante 8 anos.

Vai na mesma linha de fazer sofrer a população mais pobre a preguiça de gerir uma obra e a falta de competência de tapar uma goteira para anunciar que está paralisando a reforma do Hospital da Criança e do Adolescente, que recebeu mais de R$ 16 milhões de investimento do governador Camilo.

Waldez desrespeita e debocha dos que precisam dos serviços públicos, inclusive seus eleitores, que o escolheram pelo voto.

Eles fizeram o mesmo entre 2003 e 2010, quando não implantaram um novo leito sequer na saúde pública do Amapá. Mas desviaram mais de R$ 1 bilhão dos cofres públicos.

Ao fechar serviços que estavam em pleno funcionamento, Waldez assina seu atestado de incompetência com apenas cinco dias de governo. Assim, vai terminar, de novo, na Papuda. Ou, antes disso, debaixo de uma intervenção federal, porquê, governante que se recusa a fazer a única atribuição que cabe ao poder público, que é atender seu povo, não merece continuar.

A sociedade amapaense deve ir, de imediato, às ruas, para colocar-se contra esses absurdos de um gestor despreparado e corrupto, para evitar ser roubada como foi no passado recente e, ainda, para evitar ser motivo de chacota e vergonha nacional, como quando teve todo o alto escalão do governo destituído pelas prisões da Polícia Federal.

Deputada federal, eleita pelo povo do Amapá para o 4º mandato na Câmara dos Deputados.
__
Atestado de incompetência? Atestado de incompetência? Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on quinta-feira, janeiro 08, 2015 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD