Header AD

Suposta fraude nos dados do Ibope

IBOPE: suposta trapaça utilizada no Maranhão pode ter sido empregada no Amapá

Fraude
É de conhecimento no meio político e dos jornalistas que acompanham as eleições políticas de perto, as diversas acusações que pesam sobre o Ibope, a de manipular dados a favor dos interesses de quem paga pela pesquisa. Foi assim em várias eleições Brasil afora.

O dono do Ibope, Carlos Augusto Montenegro, é amigo de Sarney desde os tempos da ditadura militar, fortalecendo-se no período do mandato do maranhense na Presidência da República.

Só para ter uma ideia, o Ibope sumiu com 14% do Flávio Dino, adversário de Sarney no Maranhão, na tentativa vã de levar a eleição para o segundo turno por lá.

Os dados do Instituto no dia 2 de outubro de 2014 mostrava Flávio Dino, com 49%; e Lobão Filho, com 32%, pelos dados haveria segundo turno. No entanto, com as urnas abertas, Flávio Dino desmoralizou o IBOPE, com 63,5%, enquanto Lobinho ficava com 33,6%.

A mesma estratégia utilizada no Maranhão (coincidentemente?) está sendo empregada aqui. O Ibobe mostrava Waldez com 45% dos votas válidos e Camilo com 23%. Com as urnas abertas, Waldez teve 42% e Camilo contou com mais de 27%. E é importante ressaltar que a margem de erro do Ibope é de 3 pontos para mais ou para menos. O que demostra as discrepâncias tanto lá no Maranhão quanto aqui no Amapá.

As urnas revelaram, portanto, as supostas manipulações e fraudes.

Não seria estranho supor que a provável trapaça utilizada no Maranhão pode estar acontecendo aqui.

O mesmo modus operandi com a finalidade de influenciar a decisão do eleitor.

__

Suposta fraude nos dados do Ibope Suposta fraude nos dados do Ibope Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sábado, outubro 18, 2014 Rating: 5



SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD