Header AD

Comunicado: Renda para Viver Melhor

Comunicado Governo do Amapá - Pagamento do Programa Renda para Viver Melhor

O Governo do Amapá vem a público comunicar a todos os beneficiários do Programa Renda para Viver Melhor que, em decorrência de bloqueios e sequestros de recursos da conta do GEA pela Justiça do Trabalho e pelo Tribunal de Justiça em favor da Assembleia Legislativa, Tribunal de Contas, empresas de vigilância LMS e Amapá Vip - esta última relativa a débitos do Estado do ano de 2010 -, o orçamento previsto para o pagamento do programa social referente ao mês de outubro foi bloqueado, impedindo a sua execução.

Dessa maneira, o pagamento que estava previsto para esta sexta-feira, 31, será efetuado até o dia 10 de novembro.

Importante salientar que o Governo do Estado está fazendo todos os esforços para garantir o pagamento dos beneficiários. A Procuradoria Geral do Estado entrou com mandado de segurança para garantir o desbloqueio das contas do Estado visando ao pagamento do benefício antes do dia 10.

ASSCOM/GEA
__
Comunicado: Renda para Viver Melhor Comunicado: Renda para Viver Melhor Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sexta-feira, outubro 31, 2014 Rating: 5

4 comentários

  1. Por que o GEA não vai na imprensa e divulga isso? O que não pode acontecer é divulgar uma nota na T anunciando a data do PGTO e o mesmo "simplesmente não acontecer".

    Conforme ocorreu com o pgto de novembro/2014 que foi divulgado na TV AMAPÁ que estaria previsto para dia 30/11 (embora fosse um domingo) e até hoje (04/12/2014) não aconteceu.

    ResponderExcluir
  2. Gente que falta de amor ao próximo é esta? hj são 17/12/2014 e absolutamente nada sobre o pagamento de novembro/2014? Não massacrem a quem já é tão massacrado.

    ResponderExcluir
  3. Governador seja sensível a quem precisa. priorize o pgto do RENDA de novembro/2014. Esse valor representa muito para quem não tem quase nada.

    ResponderExcluir
  4. A Assembléia Legislativa não autorizou o remanejamento(entre as secretarias) de 5 para 8% do orçamento do estado, com isso, recursos que sobram em certas secretarias não podem ser utilizado. Turma de Sarney/Walter ainda não desmontou palanque. No governo da famigerada harmonia a Assembléia permitiu até 40% de transferência de recursos entre secretarias.

    ResponderExcluir




SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD