Header AD

Camilo entrega UPA da Zona Norte

Governo entrega nesta quinta-feira a unidade que vai melhorar em 30% atendimentos de saúde em

UPA levará benefícios não somente para a Zona Norte da capital, mas também possibilitará melhorias no atendimento do Hospital de Emergência
Moradora há sete anos do bairro Novo Horizonte, na Zona Norte de Macapá, a aposentada Adália Nunes, de 62 anos, ainda lembra da última vez que precisou, urgentemente, de atendimento na rede pública de saúde. Levada de carro por um vizinho, precisou de 30 minutos para percorrer os 13 quilômetros até chegar ao Pronto Socorro Osvaldo Cruz (Hospital de Emergência), no Centro da cidade.

"Foi ano passado [2013]. Comecei a passar mal, com falta de ar, e desmaiei. O Pronto Socorro estava lotado, muita gente pra ser atendida, porque todo mundo só procura aquele hospital. Foi um aperto muito grande, mas consegui ser atendida. Se tivesse demorado mais um pouquinho, não sei o que teria acontecido", recorda, aliviada.

Um ano depois, a aposentada conta que ainda tem problemas com aumento da pressão arterial. Contudo, a preocupação com a possível necessidade por atendimento médico começou a reduzir. Ela diz que está mais tranquila porque falta pouco para o Governo do Estado entregar a mais nova e moderna unidade de saúde da capital amapaense.


Projetada para garantir até 150 atendimentos diários – em serviços de baixa e média complexidade de urgência e emergência –, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24 horas) Florência Souza vai ser inaugurada nesta quinta-feira, 16, às 8h30. O ministro da Saúde, Arthur Chioro, confirmou presença na cerimônia de entrega.

Edificada no bairro Novo Horizonte, o Pronto Socorro da Zona Norte, como está sendo nominada pela população, vai ofertar atendimentos médicos em clínica geral e pediatria. A estrutura é equipada para fazer exames de raios-X e eletrocardiograma – procedimentos muito solicitados em situações de urgência e emergência. Os usuários também terão à disposição sala de curativos, sala de inalação, coleta de sangue, farmácia, sala de espera, posto de enfermagem e oito leitos (quatro para observação adulto, dois para observação infantil e dois para emergência).

No aspecto qualitativo geral, a nova UPA levará benefícios não somente para a Zona Norte, onde mora quase metade da população macapaense, mas também possibilitará melhorias no atendimento da mais procurada unidade hospitalar da rede pública, o Hospital de Emergência.

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), a redução na sobrecarga de atendimento do HE é estimada em 30%. Com o funcionamento da UPA, o secretário de Saúde, Jardel Nunes, acredita que serão mais raras cenas de pacientes pelos corredores dos hospitais e falta de medicação.

"O HE hoje recebe 60% das demandas de baixa e média complexidade. Com o reforço que teremos, a partir dos serviços oferecidos pela UPA do Novo Horizonte, isso vai acabar. Teremos pacientes com atendimento de ponta na Zona Norte e um atendimento mais rápido no HE", prevê o secretário.

A diminuição de demanda também deve melhorar o atendimento no Pronto Atendimento Infantil (PAI). "Lá [no PAI], a maioria dos casos é de crianças com problemas de baixa complexidade, cujo atendimento está disponível nos Postos de Saúde, Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e, a partir de agora, também na nova UPA Novo Horizonte", analisa Jardel Nunes.

"Tenho certeza de que agora, se precisar, não terei que enfrentar o mesmo sufoco. Quando não se tratar de um caso grave, tipo acidente de trânsito, nós moradores aqui da Zona Norte não precisaremos mais nos deslocar até o Centro e chegaremos mais rápido quando precisar de atendimento médico. Vai melhorar muito a nossa vida", anima-se a aposentada Adélia Nunes.

Instalações modernas

A UPA Florência Souza foi projetada sob padrões de ponta em infraestrutura de saúde pública. Todos os ambientes do prédio serão climatizados. São 35 centrais de ar condicionado. "Esses equipamentos têm capacidade entre 9.000 e 60.000 BTUs, fazendo com que a temperatura interna seja bem agradável", afirma o técnico responsável pela obra, engenheiro Ubiraelson Macedo.

A UPA também será equipada com um dinâmico sistema de câmeras de alta definição nas áreas interna e externa do prédio. São oito câmeras que farão o monitoramento de todos os ambientes, e ainda estarão conectadas pela internet com o Ministério da Saúde 24 horas.

Um moderno aparato de comunicação interna também foi estabelecido na UPA da Zona Norte. O sistema, que já está instalado e pronto para uso, possui sonorização com alto-falantes. O conjunto é interligado aos oito leitos, que são equipados com comunicadores para o uso de pacientes e enfermeiros. Esse sistema de chamadas também está instalado nos banheiros – medida pensada para situações emergenciais.

Na estrutura elétrica, um grupo gerador irá alimentar a unidade em caso de falha no fornecimento de energia. O equipamento é vedado contra chuvas e com isolamento acústico.


Investimentos

Iniciada em outubro de 2013, a obra custou o equivalente a R$ 4.490.580,80. Parte desse investimento, R$ 2.373.573,70, é oriunda da operação de crédito junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O Governo Federal disponibilizou R$ 1.400.000,00. A contrapartida do Governo do Estado foi de R$ 716.907,10 – recursos destinados, exclusivamente, para a compra de equipamentos que irão compor a nova unidade de saúde. Segundo o engenheiro Ubiraelson Macedo, a obra gerou 605 empregos, diretos e indiretos.

Atendimentos oferecidos

A Unidade atenderá pessoas com dor de cabeça intensa, febre, mal-estar, crises de pressão alta, diabetes, dor no peito/dor cardíaca, falta de ar/dificuldade para respirar, convulsão, vômito ou diarreia que não param, vômito com sangue, dor abdominal moderada a grave, rigidez na nuca, queda súbita de pressão, elevação de pressão arterial, a partir de 160x100 MMH, dor aguda e envenenamento.

O serviço atenderá também pacientes que necessitem fazer curativos ou retirar pontos, aplicação de injetáveis e nebulização. A UPA receberá, ainda, casos menos graves – que também podem ser resolvidos nas UBSs – como: o trauma (machucado) leve, sintomas de gripe, dor abdominal leve, tontura (com estado geral normal), conjuntivite, marcações de consulta, exames laboratoriais, pré-natal, atendimento básico odontológico e programa Hiperdia. A transferência do paciente atendido em uma UPA 24 horas para um hospital especializado dependerá da gravidade do quadro clínico do paciente.


"É muito bom ter esses atendimentos mais perto da gente. Pra gente como eu, que tem crianças em casa, é muito importante porque o serviço pra elas tem que ser o mais rápido possível", pondera o cabeleireiro Domingos Gonçalves, morador do bairro Jardim Felicidade II.

Homenagem

Florência Souza é o nome dado a UPA da Zona Norte. A homenagem é à enfermeira que dedicou sua vida profissional a ajudar pacientes nos hospitais da rede pública de saúde.

Natural do Pará, Florência Virgilina de Assis Souza era formada em Enfermagem e ingressou sou carreira pública, em Macapá, no ano de 1976. O primeiro local de atuação foi no HE. Nos anos de 1996 a 1998, Florência assumiu a Coordenação de Enfermagem do Hospital de Clínicas Alberto Lima (HCAL). Após dois anos na função, a enfermeira foi convidada para exercer suas atividades no ambulatório do HCAL, em 1998, onde, nos anos de 1999 a 2002, assumiu a direção do ambulatório, ficando responsável em administrar o Setor de Oncologia do hospital, hoje conhecido como Unacon.

Após quatro anos, Florência Souza foi acometida por um câncer intestinal, vindo a falecer em 29 de junho de 2006. Ela deixou três filhos e nove netos. Como homenagem, a servidora teve o seu nome identificado em uma das salas da Unacon, que passou a se chamar "Sala de Quimioterapia Enfª Florência", e hoje terá seu nome na primeira Unidade de Pronto Atendimento da capital.

ASCOM/SESA
__
Camilo entrega UPA da Zona Norte Camilo entrega UPA da Zona Norte Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on quinta-feira, outubro 16, 2014 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD