Header AD

Não há crime sem resposta no Amapá

Desde de 2011, o Estado sempre responde com eficácia para a solução de crimes no Amapá

"Todo assalto é resolvido de imediato e os bandidos são presos", dito por um internauta em uma rede social, reflete a realidade inóspita para o crime (organizado) no Amapá. Não há assalto sem que a eficiente Polícia Militar responda com criminosos presos; é o que vem acontecendo nos últimos três anos no Estado.

O último caso que se pode dar alguma relevância aconteceu na madrugada do último domingo, 17, quando adolescentes foram presos após arrastão na orla de Macapá.

O arrastão aconteceu por volta das 3h30 da madrugada de domingo (17). Aos menos seis jovens são suspeitos de promoverem o delito. De acordo com a Polícia Militar (PM), o grupo seguia pela Rua Beira Rio, no bairro Santa Inês, por volta das 3h30, quando pessoas próximas ao local acionaram uma viatura policial. Com a chegada da polícia, os adolescentes se esconderam em uma escola do bairro. Após abordagem e buscas três pessoas foram identificadas. Foram apreendidos dois menores de 15 e 16 anos e preso um homem de 21 anos.

Com os suspeitos a polícia encontrou objetos e dinheiro das vítimas. Os adolescente foram encaminhados para a Delegacia de Investigação de Atos Infracionais (Deiai) e o homem para o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) do bairro Pacoval. (Com informações do G1/Amapá)

__
Não há crime sem resposta no Amapá Não há crime sem resposta no Amapá Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on segunda-feira, agosto 18, 2014 Rating: 5

Nenhum comentário




SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD