Header AD

Sem moral

Em audiência pública, Marília Góes enaltece ex-colega de presídio como referência da segurança

Do MZ Portal
Marília Góes e Waldez Góes sendo escoltados pela Polícia Federal. Set/2010 foto - Estadão
A deputada estadual Marília Góes (PDT/AP) enalteceu como referência para a área da segurança pública o ex-colega de presídio, Zeca do Espírito Santo, conhecido como "Zequinha", que foi preso, juntamente com a deputada do PDT, durante a operação Mãos Limpas desencadeada pela Polícia Federal em outubro de 2010.

O fato ocorreu na audiência pública realizada na manhã desta sexta-feira, 21, na Assembleia Legislativa do Amapá, onde se debateu a situação da segurança pública no Estado.

Na ocasião, Zequinha, presidente da Federação dos Conselhos Comunitários, foi convidado pela deputada Marília Góes a palestrar sobre a segurança pública. "O mesmo foi preso pela PF, no governo de Waldez Góes, acusado de participar de um esquema na Secretaria de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), que levou para a cadeia o então secretário Aldo. Logo, que moral esse cidadão tem?", questionou Antônio da Silva, um dos participantes da audiência.

Além de Zequinha, o promotor Pedro Leite, que na época do governo Waldez afirmou que "não haver corrupção no governo", também foi um dos palestrantes.
_
Sem moral Sem moral Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sexta-feira, março 21, 2014 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD