Header AD

Ditadura

Filhos de Rubens Paiva foram vigiados

by folhapress
Deputado Rubens paiva - divulgação
Documentos secretos da ditadura militar revelam que os órgãos da repressão espionaram os
filhos do deputado Rubens Paiva mesmo após o desaparecimento dele. O parlamentar foi morto sob tortura após ser preso clandestinamente em 1971. Ele foi visto pela última vez num quartel do
Exército onde funcionava o Doi-Codi, na Tijuca, zona norte do Rio.

De acordo com os novos papéis, o escritor Marcelo Rubens Paiva e a psicóloga Vera Paiva foram seguidos e fichados durante 13 anos. O último documento é de 1984, ano que antecedeu a redemocratização do país. O relatório, do Centro de Informações da Aeronáutica, faz um resumo biográfico de Marcelo e afirma que ele era filiado ao PT. Segundo Vera Paiva, a informação é falsa.

Os papéis foram divulgados ontem pela Comissão Estadual da Verdade do Rio. Na quinta-feira, o órgão divulgou o depoimento de um militar que desmonta a falsa versão oficial de que Rubens Paiva teria fugido da prisão.
_
Ditadura Ditadura Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sábado, fevereiro 08, 2014 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD