Header AD

Lucas alfineta Randolfe

“Tenho o Randolfe como homem de palavra”, disparou o pré-candidato Lucas Barreto

“Sou pré-candidato”, diz Lucas

Diário do Amapá
capa-lullula

O vereador Lucas Barreto (PSD) declarou, ontem, em entrevista exclusiva ao Diário do Amapá, que já definiu a pretensão política dele neste ano de 2014: “Sou pré-candidato ao governo do estado”, disse.

Desde a eleição para o governo em 2010, quando perdeu no segundo turno para o atual governador Camilo Capiberibe (PSB), Lucas, que dois anos depois venceu eleição para vereador da capital, não tinha garantido o que pretenderia em nível de eleições majoritárias.

Especulava-se que o ex-petebista, hoje no PSD, espe-raria a próxima eleição para prefeito, tentaria novamente o governo ou então se lançaria ao Senado da República. Ontem ele deu a conhecer a segunda opção como motivadora do seu empenho político no ano em curso.

Quanto ao Senado, PSB, PDT, Psol e PT, além de outras legendas, ainda não se definiram, esperando uma decisão do ex-presidente José Sarney que em março se pronunciará sobre se tentará uma nova reeleição ou não.

Lucas Barreto também espera o posicionamento do senador. “Tenho compromisso até março com Sarney”, proclamou o pré-candidato ao governo do Amapá. “Se for concorrer, terá meu apoio; caso contrário, meu apoio será a Davi Alcolumbre”, antecipou Lucas.

O vereador do PSD, apesar de ter citado apoio ao Senado para Davi Alcolumbre (DEM), na ausência de José Sarney na disputa eleitoral, vislumbrou, ontem, que caso o ex-presidente saia do páreo, mudará todo o cenário político amapaense, levando partidos como PSB, PT, Psol, PV e PSDB também a lançarem postulantes à Câmara Alta.

O pré-candidato falou acerca do secretário municipal Charles Chelala, ultimamente citado como possível candidato do Psol ao governo do estado. “É um homem íntegro, excelente técnico, a quem tenho grande gratidão, pois apoiou a minha campanha”, disse Lucas.

O vereador enfatizou que conta com o apoio do senador Randolfe Rodrigues (Psol), pré-candidato à Presidência da República, na disputa que terá para o governo do estado do Amapá.

“Tenho o Randolfe como homem de palavra”, disparou o pré-candidato Lucas Barreto. A certeza do vereador no apoio do senador é decorrente de um dos arranjos feitos pelo Psol na disputa para a Prefeitura de Macapá, que levou Clécio Luís ao poder municipal.

Em 2012, Lucas renunciou à disputa para prefeito da capital para dar apoio à então candidatura do atual gestor Clécio. Lá atrás, ainda na disputa para o governo, Lucas pediu voto abertamente para o hoje senador da República, Randolfe Rodrigues.
_
Lucas alfineta Randolfe Lucas alfineta Randolfe Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on segunda-feira, janeiro 13, 2014 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD