Header AD

Incêndio: Oposição ao GEA desrespeita dor dos amapaenses

Enquanto a população do AP demonstrava solidariedade, as emissoras de Gilvam Borges faziam política

Foto reprodução Google images/G1-AP
A tragédia que se abateu sobre dezenas de famílias do bairro Perpétuo Socorro, atingidas por um incêndio implacável, revelou o melhor e o pior das pessoas. Enquanto a população amapaense se comovia e se solidarizava com o sofrimento das vítimas, as emissoras de rádio e TV ligadas ao ex-senador Gilvam Borges, demonstrando total insensibilidade com a dor alheia, atiçavam as labaredas da exploração política do fato na direção do Governo do Estado, tentando imputar-lhe a responsabilidade pelo sinistro.

O papel da imprensa é de informar a população, com o máximo de isenção possível, sobre os fatos que acontecem no dia a dia da sociedade.

Na cobertura do incêndio do Perpétuo Socorro, os veículos de comunicação pertencentes à família de Gilvam Borges ultrapassaram todos os limites que recomenda qualquer manual de jornalismo. Os "reportes" das emissoras saíram à caça de notícias específicas e parciais que eram editadas e utilizadas para tentar culpar o Governo do Estado pelo sinistro, num claro e escandaloso uso político de um acontecimento tão doloroso para toda a sociedade amapaense.

Foram tantos os absurdos divulgados que nas redes sociais se formou uma corrente de repúdio à forma de abordagem levada ao ar pelas emissoras do ex-senador. Os internautas mostravam-se chocados com o baixo nível das reportagens. Para muitos, esse tipo de atitude é pior do que a ação dos ladrões que roubavam os poucos objetos salvos das chamas.

Deturpar o fato jornalístico para obter vantagens políticas ou econômicas é roubar da população o direito à informação que possa contribuir para a formação correta da opinião pública.

Editorial do MZPortal
_
Incêndio: Oposição ao GEA desrespeita dor dos amapaenses Incêndio: Oposição ao GEA desrespeita dor dos amapaenses Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sexta-feira, outubro 25, 2013 Rating: 5

Nenhum comentário




SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD