Header AD

Diametralmente opostos: PSB e PSOL

Randolfe afirma que Psol não tem aliança com o governo do estado

Diário do Amapá
POLITICA1 RANDOLFgn
O senador Randolfe Rodrigues afirmou, ontem, que não há aliança nem parceria entre o partido dele, o Psol, e o PSB do governador Camilo Capiberibe. O tom adotado por Randolfe foi de definição, ou seja, como que anunciando que as duas siglas vão subir em palanques diferentes, no Amapá, na campanha para as eleições gerais de 2014.

Pelo menos até ontem de manhã, quando o senador fez a afirmação no programa radiofônico Luiz Melo Entrevista (Rádio Diário FM 90.9), tinha-se a impressão de que PSB e Psol ainda ca-minhavam juntos na bem anunciada parceria político-administrativa feita há três meses.

Por conta da tal parceria, chegou-se a ver algumas recuperações de ruas da capital com placas anunciando que os serviços eram do governo estadual. Paralelamente, o governador Camilo e o prefeito Clécio Luís (Psol) se mostravam juntos em público, o mesmo fazendo os senadores Randolfe Rodrigues e João Capiberibe (PSB), em Brasília.

Há duas semanas, a aproximação entre os dois partidos pareceu ter tido um estremecimento com a divulgação de Nota Oficial do Psol anunciando que em 2014 concorrerá nas eleições do Amapá, em todos os níveis, de deputado estado a governador e senador.

A direção estadual do Psol, logo após a Nota, em entrevista disse que a decisão de participar das eleições não excluía uma aliança com o PSB, a cuja legenda o Partido Socialismo e Liberdade estava aberto para negociações.

Ontem, Randolfe Rodrigues confirmou que o Psol vai concorrer em todos os níveis, em 2014, inclusive para governador, mas ressaltou que isso não significa que ele será o candidato. Na outra ponta, o senador informou que tem o compromisso com a direção nacional do Psol de responder se aceita ou não disputar a Presidência da República pela legenda.

Voltando para o âmbito estadual, o senador disse que em política não pode haver meio termo. “Quando não se é governo, atua-se na oposição. E no Amapá não há aliança, não há parceria do Psol com o governo do estado”, afirmou.
_
Diametralmente opostos: PSB e PSOL Diametralmente opostos: PSB e PSOL Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on quarta-feira, julho 03, 2013 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD