Header AD

Deputado é acusado de comprar votos

Deputado estadual Manoel Brasil é denunciado por compra de votos nas eleições de 2010

A Procuradoria Regional Eleitoral no Amapá (PRE/AP) denunciou o deputado estadual Manoel Brasil de Paula Filho (PEN) e Luís Gustavo Lobato de Paula, filho do parlamentar, por compra de votos nas eleições de 2010. Em caso de condenação, o Código Eleitoral prevê pena de até quatro anos de reclusão e pagamento de multa. A denúncia foi ajuizada no final de abril deste ano.

Na ação, a PRE/AP expõe o esquema criminoso para obtenção ilícita de votos. Primeiro, os cabos eleitorais fizeram levantamento – nos bairros Cuba de Asfalto, Zerão, Congós e Novo Buritizal – de eleitores de baixa renda necessitados de serviços assistenciais. Em seguida, cadastraram as pessoas. Nas listas constavam nome, endereço, telefone, número do título de eleitor, do CPF e do RG.

Os cabos eleitorais ofereceram consultas médicas e odontológicas, entrega de cestas básicas, cursos de vigilância, dinheiro e kits para bebês. Os eleitores cadastrados eram convencidos a votar no deputado para então receberem os benefícios assistenciais. Depoimentos de testemunhas confirmaram que os cabos eleitorais trabalharam arregimentando eleitores e organizando ações sociais.

Assessoria de Comunicação Social/PRE-AP
_
Deputado é acusado de comprar votos Deputado é acusado de comprar votos Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on sexta-feira, maio 10, 2013 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD