Header AD

A parceria entre PSOL/PSB sob a chancela de Randolfe e Capiberibe

A trajetória política de João Capiberibe e Randolfe Rodrigues

Randolfe Rodrigues e João Capiberibe protagonizam momento histórico da esquerda no Amapá
A parceria histórica anunciada na última segunda-feira, 25, entre os dois partidos considerados a vanguarda da esquerda amapaense, PSB e PSOL, vem promover, sobretudo, o anseio de que o Estado não volte a retornar para as mãos de agentes políticos indiscutivelmente nocivos à sociedade.

A reciprocidade entre os socialistas, Randolfe e Capiberibe, vem de longas datas; quando o então governador do Amapá, João Capiberibe, confiou a Secretaria de Estado da Juventude à emergente liderança estudantil, representada por Randolfe Rodrigues.

João Capiberibe foi reeleito governador em 1998, naquela mesma eleição, Randolfe saiu vitorioso como deputado estadual; na época, o mais jovem deputado que o Amapá já vira, eleito fruto da aguerrida liderança e do legado que o jovem socialista deixou na Secretaria de Estado da Juventude.

Unidos em 1999, o deputado Randolfe e o governador João Capiberibe fizeram frente ao fraudador confesso, Fran Soares Júnior, na época presidente da Assembleia Legislativa, este numa manobra canhestra tentou a cassação do mandato do governador João Capiberibe. Tudo em vão.

Nas eleições de 2002, João Capiberibe elegeu-se senador da República enquanto Randolfe se reelegia a uma vaga na Assembleia Estadual.

Em 2008, a aliança entre PSB e PSOL teve Camilo Capiberibe como candidato a prefeito junto com Randolfe Rodrigues, candidato a vice.

Dois anos depois, em 2010, o experiente e o novato, João Capiberibe e Randolfe, respectivamente, elegeram-se senadores da República pelo Amapá.

Em 2012 a aliança PSB / PSOL foi fundamental para a eleição do prefeito Clécio Luís, visto que até aquele momento, antes do apoio do Partido Socialista Brasileiro, o então prefeito Roberto Góes era quem liderava as pesquisas e provavelmente seria o grande vencedor, não fosse a aliança vitoriosa entre os socialistas dos dois partidos.

No encontro que selou a parceria entre o Governo do PSB e a Prefeitura do PSOL, as palavras do senador Capiberibe resumem o momento histórico: "O Amapá está cheio de jovens políticos, de pessoas que têm a intenção de ajudar a construir um Estado melhor para todos. Vejo isso quando olho para Camilo, Randolfe e Clécio, todos com 40 anos, com energia e disposição para mudar e quando isso acontece quem ganha é a sociedade, é o coletivo".

Confirmando o momento ímpar, o senador Randolfe finaliza que a “aliança da nova geração do Amapá é profícua, duradoura e vitoriosa”.

Os discursos ratificam, portanto, que a parceria PSOL / PSB se apresenta como uma alternativa imprescindível que vem manifestadamente em oposição aos grupos que sempre lesaram os recursos públicos deste Estado.
_

A parceria entre PSOL/PSB sob a chancela de Randolfe e Capiberibe A parceria entre PSOL/PSB sob a chancela de Randolfe e Capiberibe Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on terça-feira, março 26, 2013 Rating: 5

SE VOCÊ TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é um site de jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se você não tem uma conta no PayPal, não há necessidade de se inscrever para doar ou assinar, você pode apenas usar qualquer cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD