Header AD

A declaração sobre as mentiras de Fran Júnior

A onda de mentiras contra Randolfe e Capiberibe

Do blog do Heverson Castro

Documento onde Fran Junior confessa falsificação de documentos da ALAP
Todos sabem que tenho inúmera críticas pontuais, políticas e ideológicas ao senador RandolfeRodrigues por conta de suas alianças recentes no Amapá. Mas na última semana o ensolarado tem sido vítima junto com o senador Capiberibe de um campanha orquestrada por setores da direita local para tentar jogá-los na mesma lama que os corruptos locais chafurdam.Os dois senadores amapaenses estão sendo vítimas de uma verdadeira campanha difamatória com o aval nos bastidores de Sarney e cia, na tentativa desmoralizá-los diante da opinião pública e até mesmo da imprensa nacional.

Apesar de Randolfe processar este blogueiro na justiça e ter usado a PF pra me intimidar e tentar me calar não se pode deixar a coerência de lado e fazer coro com bandidos de "colarinho branco". Nunca tive nada pessoal contra o senador, apenas críticas políticas ao seu comportamento com homem público e sempre pautando o debate na política. Vejo que o senador pode contribuir e muito para virarmos a página tenebrosa de nossa histórica recente que envergonhou o Amapá nacionalmente e de certa forma com todas as críticas vem contribuindo, ainda que timidamente, pois nos momento de enfrentamento e luta de classes da esquerda contra grupos poderosos o mesmo preferiu silenciar.

Acima observamos o documento, que o próprio Fran Júnior, na época que era presidente da ALAP, afirma que adulterou documento contra o deputado Jorge Salomão. O ex-deputado que hoje assessora o presidente afastado da ALAP, Moisés Souza (PSC), tenta jogar na vala comum o senador João Capiberibe (PSB) e o senador Randolfe Rodrigues (PSOL), prestando o serviço sujo típico de políticos alinhados ao senador José Sarney.

Apesar de Randolfe Rodrigues ter apoiado na campanha de 2010 o afilhado de Sarney, Lucas Barreto, que saiu derrotado na disputa pelo governo do Amapá, o falso dossiê de Fran Junior contra os dois senadores não passa de uma armação e intimidação do grupo de Sarney e de políticos que querem voltar ao poder em 2014.

A ofensiva de Fran Junior, que disputou diversas eleições pelo PMDB de Sarney, só serve pra mostrar ao PSOL que o caminho que tentam trilhar ao lado de políticos de direita e acusados de corrupção é o caminho errado. O lugar do PSOL é do lado da esquerda amapaense e combatendo os grupos que saquearam o Amapá ao lado do PSB e do PT, que hoje governam o Amapá e são vítimas da ofensiva sarneysista visto em meios de comunicação do império midiático do ex-senador Gilvam Borges e no jornal A Gazeta de Sillar Assis Jr, fiel escudeiro de Sarney.

Fran Junior é rodado e tem uma ficha tão suja como a de um chefe do crime organizado do tráfico do Rio de Janeiro, segundo condenações que o tornaram impedido de disputar qualquer cargo público. O ex-deputado ficha-suja sempre foi adversário da família Capiberibe que durante os anos do governo Waldez Góes, preso em 2010 na Operação "Mãos Limpas", resistiu bravamente ao esquema montado pra silenciar a imprensa e adormecer o povo do Amapá sobre o que rolava de podre nos tapetes e salas refrigeradas do Palácio do Setentrião.

Alguns dizem que o senador Randolfe Rodrigues vem recebendo os inúmeros ataques da "organização criminosa" pra aceitar um suposto convite de Sarney para disputar o governo e apoiar a reeleição do oligarca do Maranhão. Mas a pressão de setores do PSOL para que o partido se realinhe politicamente à esquerda no Amapá faz com que Randolfe reveja suas posições e desagrade Sarney e seus vassalos corruptos.

Tomara que o senador Randolfe Rodrigues aprenda a lição de que o seu lado político é na esquerda e no campo popular. A recusa ao grupo de Sarney e sua atuação conjunto com o senador João Capiberibe (PSB) que se aliaram ao MP para denunciar os desmandos de Moisés Souza na ALAP junto ao STF e STJ ocasionou a ofensiva e onda de mentiras do grupo que fora considerado “harmonia” de 2002 à 2010.
_

A declaração sobre as mentiras de Fran Júnior A declaração sobre as mentiras de Fran Júnior Reviewed by Nezimar Borges/ Ana Maria Marat on segunda-feira, março 18, 2013 Rating: 5



SE O LEITOR TEM ALGUMA NOTÍCIA PARA COMPARTILHAR, ENVIE PARA O WHATSAPP (96)98135-3197.


O Diário do Meio do Mundo é espaço dedicado ao jornalismo independente. Contribua para mantê-lo online. Obrigado! Se não tem conta no PayPal, não é necessidade se inscrever para doar ou assinar, basta apenas usar o cartão de crédito ou de débito. Para quem prefere fazer depósito em conta: Banco do Brasil; Agência: 2825-8; CC: 219.880-0.


Post AD